Jovem Aprendiz Senai e Senac: aprenda como se inscrever

Ser jovem aprendiz é um benefício muito grande. Afinal, essa é uma ótima oportunidade que o jovem tem de ter a primeira experiência no mercado de trabalho e ainda melhorar o currículo com um curso profissionalizante. 

Desde de 2000, a Lei de Aprendizado determina que as grandes e médias empresas contratem alguns jovens aprendizes. Então, elas precisam receber jovens sem nenhuma experiência e, além da vaga de emprego, irão proporcionar um curso profissionalizante durante esse período.

Como algumas empresas não tinham estrutura para disponibilizar o próprio curso, eles fizeram uma parceria com o Senac e Senai. Estas são grandes instituições reconhecidas no Brasil por oferecer bons cursos de formação. Portanto, as oportunidades acabaram crescendo muito.

Jovem Aprendiz Senai e Senac: aprenda como se inscrever
Foto: (reprodução/internet)

O Senai e Senac oferecem hoje oportunidades para jovens aprendizes de diversas áreas, fique por aqui e entenda um pouco mais sobre quem pode participar e como se inscrever.

Quem pode ser jovem aprendiz?

Antes de falarmos um pouco sobre como funciona as vagas para os jovens aprendizes no Senai e Senac, precisamos saber quem vai poder concorrer a essas oportunidades. Veja abaixo as regras básicas exigidas pela Lei de Aprendizagem:

ANÚNCIO
  • É preciso ter entre 14 e 24 anos de idade;
  • Está disponível de 4 a 6 horas por dia para cumprir a carga horária do trabalho;
  • Não ter nenhuma outra experiência como jovem aprendiz;
  • Estar cursando no mínimo o 9ª ano, ou ensino médio, ou já ter se formado;
  • Ter uma carteira de trabalho, sem nenhuma experiência registrada.

As duas instituições ainda oferecem oportunidades para pessoas com deficiência. Neste caso, as idades e escolaridade podem ser diferentes para cada vaga, normalmente eles disponibilizam essa informação no edital. 

Ser jovem aprendiz com o Senai

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial, Senai, é mundialmente conhecido por proporcionar educação e formar profissionais na área da indústria. Hoje eles oferecem mais de 25 cursos nessa mesma área.

Então, eles fizeram parceria com as empresas de indústrias dos estados estão oferecendo oportunidades para os jovens nessas áreas. Pode ser a chance ideal para aprender a teoria e prática ao mesmo tempo. 

Além da experiência e um novo curso de qualificação no currículo do jovem, veja os benefícios de ser um jovem aprendiz com o Senai:

  • Um salário proporcional às horas de trabalho;
  • Vale-transporte;
  • Vale-alimentação ou refeição;
  • Férias, no mesmo período das escolas;
  • Um contrato de até 2 anos;
  • E o décimo terceiro salário.

Como se candidatas às oportunidades

No site do Senai, na área de Aprendizagem industrial, dá para saber um pouco mais sobre essas oportunidades. Eles informam que é preciso passar por um processo seletivo para começar a fazer os cursos gratuitos.

Para saber das datas desses processos, você pode procurar uma unidade próxima e se informar sobre as oportunidades. Normalmente, a primeira etapa é feita diretamente nas empresas e de lá eles encaminham o jovem para um curso do Senai.

Ser jovem aprendiz no Senac

Já o Senac, Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, disponibiliza diversos cursos para as áreas do comércio. Há mais de 70 anos eles proporcionam uma educação já reconhecida pelo mercado de trabalho.

Então, você consegue apenas fazer um curso profissionalizante por lá, ou participar do programa Jovem Aprendiz integrado a alguma empresa. Eles procuram sempre trazer conteúdos que possam ser vivenciados na teoria e na prática.

Lembrando que os benefícios serão parecidos com os do Senai e podem variar de empresa para empresa. Porém, os que a Lei determina necessariamente serão pagos para cada jovem. 

Como se inscrever

Eles alertam que as inscrições não podem ser feitas diretamente no Senac. É necessário se inscrever no processo seletivo de alguma empresa que faça parceria com eles, mas dá para saber sobre essas oportunidades entrando no portal do Senac.

ANÚNCIO