Saracura do mato: tudo sobre essa ave do brejo!

Saracura do mato: tudo sobre essa ave do brejo!

Por todo o mundo a variedade de pássaros é inimaginável. São tantas aves de tamanhos, cantos, cores e características diversas que é impossível não se impressionar. Aqui no Brasil, por exemplo, um pássaro típico é a saracura do mato, sendo que outras vivem no banhado ou brejo. Neste artigo, você vai poder conhecer um pouco mais a respeito das saracuras: alimentação, canto, e muito mais. Espero que você aprecie as informações disponibilizadas nesta matéria. Boa leitura e excelente aprendizado!

Saracura do Mato: o que é

De acordo com pesquisas na web, o pássaro saracura pertence a uma variedade de aves chamadas Rallidae. Existem diversos tipos de aves dessa família, as quais possuem aspectos semelhantes como porte pequeno, patas finas e mais longas para poderem se locomover em pântanos e brejos, agilidade no correr, canto peculiar, dentre outros detalhes similares.

saracura do brejo

Saracura do brejo

Continuando, logo abaixo vamos saber das principais características da ave saracura da mata, mas nada melhor do que observar o pássaro e constatá-las, pois, desse modo, você pode ver certinho o tamanho, comportamento, canto, dentre outros detalhes.

Saracura ave: como é

Esse pássaro costuma ser arisco, ou seja, não é fácil de ser visto muito de perto porque logo sai correndo e se esconde nas folhagens da mata baixa.

● Altura: 35 cm em média
● Peso: meio quilo (500 g)

Possui uma cabeça pequena em relação ao corpo, a qual é acinzentada e em tons marrom bem clarinho na parte de cima e lateral. O tom de castanho vem desde a nuca, passando por cima do pescoço, ficando levemente na cor oliva em cima do corpo do pássaro (costas). Em baixo do bico, que é médio e fino, a cor é clara, possuindo um tom azulado no lado do pescoço e em outras regiões. As penas traseiras costumam ser escuras. Ao redor da pupila a cor é um vermelho bem forte, e as patas também são avermelhadas. Características de um “frango” do brejo, feitas para se camuflar à vegetação e solo.

Saracura alimentação

Normalmente, pássaros do tipo saracura do banhado, comem pequenos insetos, larvas, minhocas, e sementes. Porém, em relação a alimentação da saracura do brejo uma das comidas preferidas são os ovinhos de perereca, sendo a preferida uma espécie chamada FiloMedusa. Interessante, não é mesmo?!

Outros alimentos inseridos na alimentação do pássaro saracura são brotos de plantas saborosos, peixinhos, matinhos (alguns tipos de capim), aranhas pequenas, e qualquer outro alimento que pareça saboroso aos olhos e seja possível de ser ingerido (lesmas, caracóis, por exemplo).

O canto da saracura do mato

Pesquisando no YouTube, achei um vídeo da saracura cantando. A qualidade não está tão adequada assim para uma boa observação, mas o que importa é ouvir as saracuras cantarem. Dê só uma olhada e ouça:

Nesse caso aí, percebe-se que as aves ficam um pouco mais distantes e encontram-se em um bando pequeno. Provavelmente elas já estão acostumadas a visitarem o local em busca de alimento.

Saracura do brejo: filhotes

Esse tipo de ave, geralmente, faz o ninho bem escondido, mas no solo mesmo. Alguns até constroem em pequenos arbustos, usando gravetos e outros materiais maleáveis, o que resulta em ninhos aconchegantes parecidos com tigelinhas. Lá dentro, a ave saracura do mato bota três ovinhos na maioria das vezes e quem vai cuidar será o macho.

O filhote de saracura é inteiro escuro, só desenvolvendo as características dos adultos depois que cresce. No vídeo a seguir, você pode ver filhotes de saracura e a ave cantando novamente. Infelizmente o local está bem poluído, mas essa questão de cuidar do meio ambiente, pro nosso próprio mal, é algo que o ser humano não se dedica há tempos.

Antigamente, os moradores de zona rural costumavam caçar saracura do mato pela necessidade mesmo de implementar carne à alimentação e diziam ser uma ave muito saborosa. Felizmente, com o passar dos anos, essa prática diminuiu bastante, embora ainda possa ser praticada em lugares mais afastados.

Como você pode assistir nos vídeos acima, a ave saracura não oferece risco algum, mas, pelo contrário, é bem indefesa. Ainda bem que não é tão dócil e se dá bem andando escondida nos pantanais e brejos, porque assim não corre o risco de ser extinta. Domesticá-las não é recomendado e nem vale a pena uma vez que existem outros pássaros mais dóceis e que vivem bem em companhia das pessoas.

E aí, gostou de saber tudo isso sobre a saracura do mato? Então curta o artigo e compartilhe. Se quiser fazer alguma observação ou tirar dúvidas, já sabe, é só deixar um comentário aí embaixo. Até a próxima matéria!!

Posts Relacionados

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.