Óleo De Olíbano: O Que É, Indicação E Como Usar

Óleo De Olíbano: O Que É, Indicação E Como Usar

O óleo de olíbano é obtido a partir da destilação a vapor da resina das árvores do gênero Boswellia. Essa resina, o olíbano propriamente dito, é usada principalmente como incenso, sendo conhecida também como frankincense.

O olíbano é o incenso com o qual os Reis Magos presentearam Jesus ao nascer, segundo a tradição cristã e seu óleo é usado há milênios em cerimônias religiosas e rituais de purificação.

Conheça agora os benefícios que o “rei dos óleos” pode proporcionar em termos de saúde física e psíquica.

Óleo de olíbano: para que serve

O óleo de olíbano pode ser usado em tratamentos de pele, na redução de rugas, cicatrizes e melhora da elasticidade cutânea em geral.

Óleo de olíbano para que serve

Na aromaterapia, é empregado para combater a depressão, reduzir o estresse e a ansiedade, melhorar a qualidade do sono e aliviar dores de cabeça.

Tem ainda propriedades anti-inflamatórias, podendo ser usado no tratamento de doenças como artrite, colite ulcerosa e doença de Crohn.

Atua no fortalecimento do sistema imunológico, responsável por proteger o organismo contra agentes causadores de doenças.

Possui também ação expectorante, auxiliando no tratamento de doenças respiratórias.

Estudos recentes sugerem que o óleo de olíbano pode ser eficaz na luta contra o câncer. Embora ainda sejam necessárias novas pesquisas, os resultados obtidos até o momento são animadores. Um exemplo foi o estudo que analisou seus efeitos no combate ao câncer de mama.

Benefícios do óleo de olíbano

  • É um calmante natural. O óleo pode ser usado para tratar distúrbios de ansiedade e reduzir o estresse, sendo um remédio natural para a insônia, sem efeitos colaterais.
  • Fortalece a saúde bucal. Com ação antisséptica, o óleo de olíbano pode ajudar a reduzir a proliferação de bactérias causadores de problemas bucais como mau hálito e gengivite.
  • É um desinfetante natural. Além de ter um aroma muito agradável, o óleo essencial de olíbano pode ser usado diluído na limpeza doméstica, substituindo produtos químicos agressivos.
  • Combate doenças inflamatórias. Acredita-se que substâncias presentes no óleo sejam capazes de inibir a produção de moléculas inflamatórias associadas a doenças como artrite, asma e colite ulcerosa.
  • Melhora a digestão. O consumo do óleo de olíbano pode ajudar a reduzir os gases, a azia e outros problemas digestivos. Acredita-se que seu efeito seja similar ao de algumas enzimas produzidas pelo próprio organismo, facilitando a quebra e assimilação dos alimentos.
  • Deixa a pele mais saudável e bonita. O óleo ajuda a recuperar e manter a elasticidade natural da pele. Também reforça sua barreira natural de proteção, tornando-a mais resistente contra agressões externas.
  • Tem ação expectorante. O óleo é excelente para ajudar a expelir as secreções produzidas em excesso durante os quadros de gripe, resfriados e outros problemas relacionados ao trato respiratório.

Como usar o óleo de olíbano

O primeiro cuidado é adquirir um produto de boa procedência e que seja composto por 100% do óleo essencial obtido a partir da resina de alguma espécie de Boswellia. Há uma grande diferença entre um óleo com fragrância de olíbano e um verdadeiro óleo essencial de olíbano. Obviamente, essa diferença tem influência sobre o preço de cada tipo de produto.

Como usar o óleo de olíbano

Também é importante mencionar que mulheres grávidas e que estão amamentando não devem utilizar o óleo.

Mesmo se tratando de um produto natural, o risco de alergia não pode ser descartado. Por isso, é preciso sempre iniciar o uso interno ou externo com quantidades mínimas do óleo, literalmente uma só gotinha.

O óleo essencial de olíbano sempre deve ser diluído em óleo carreador, água ou outro meio antes de ser utilizado interna e externamente.

Tendo em mente essas ressalvas, existem algumas formas simples de aproveitar seus benefícios, como:

  • Adicionar uma ou duas gotas do óleo em produtos para a pele, como cremes hidratantes, géis e loções.
  • Tomar um banho de banheira ou fazer escalda pés utilizando o óleo. Isso permite que o corpo absorva seus componentes em pequenas quantidades, além de proporcionar os efeitos benéficos produzidos por seu aroma.
  • Colocar uma gotinha do óleo no shampoo para limpar profundamente o couro cabeludo.
  • Usar o óleo diluído em água na forma de compressas quentes, sobre a face, peito e costas, para aliviar a congestão nasal e facilitar a excreção de muco.
  • Com aprovação médica prévia, pode-se tomar o óleo de olíbano. Entretanto, o consumo diário deve ser de apenas algumas gotas e sempre diluído. Como o sabor é forte, algumas pessoas o ingerem misturado ao mel de abelhas.

Admirado há milênios pela humanidade por seu aroma único e significado espiritual, o óleo de olíbano vem tendo suas propriedades medicinais reconhecidas pela ciência contemporânea. Esse óleo essencial proporciona bem-estar emocional e é eficaz para tratar várias condições inflamatórias, sendo inclusive uma aposta da medicina na luta contra o câncer.

Veja mais dicas de uso do óleo de olíbano.

Pelo visto, o título de “rei dos óleos” é mais do que merecido.

Posts Relacionados

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.