Como Fazer Reeducação Alimentar Sozinha e Mais Dicas.

Quem está em busca por emagrecimento com certeza já ouviu falar na reeducação alimentar, que é o processo de mudar a sua alimentação, optando por alimentos mais saudáveis, nutritivos e com poucas calorias para assim conseguir perder peso de maneira saudável e continuamente. Porém, muitas vezes esse não é um processo muito simples, pois nem todo mundo consegue manter a reeducação e também esse é um processo que deve ser feito para a vida toda e não apenas por um período.

Se você quer entender melhor o que é a reeducação alimentar, como ela deve ser feita e mais informações. Continue lendo esse artigo!

O que é?

A reeducação alimentar, como seu nome mesmo já sugere é o processo de educar novamente a nossa alimentação. Ensinando a nós mesmo a comer o que é mais saudável e o que faz bem ao corpo e ao organismo, ou seja, optando por alimentos ricos em vitaminas, proteínas, e outros nutrientes que são essenciais para o bom funcionamento do corpo. Mas nas quantidades corretas.

o que é a reeducação alimentar

Além disso, escolhendo sempre que possível os alimentos frescos e evitando os que são conservados, industrializados, frituras e que passam por outros processos que podem acabar prejudicando o seu valor energético.

ANÚNCIO

Fazer reeducação alimentar não é uma dieta, e não é algo que você faz apenas para conseguir atingir uma determinada meta de perda de peso, mas sim para que você consiga emagrecer com saúde. Mas também que consiga manter o novo peso ao longo da vida. Pois muitas pessoas, conseguem emagrecer sem reeducar sua alimentação, mas engordam novamente.

Para que serve a Reeducação Alimentar

Está muito enganado quem pensa que reeducação alimentar é apenas para quem deseja perder peso, muitas pessoas que já estão no peso ideal, ou até mesmo muitas que fazem reeducação, mas não emagrecem. Entram nesse processo para melhorar a saúde em primeiro lugar, pois mais do que a perda de peso, o mais importante é a saúde. Perder peso e emagrecer é uma consequência de uma alimentação melhor.

A reeducação alimentar pode ter várias finalidades, claro que muitas pessoas procuram ela primeiramente com a intenção de emagrecer. Mas além disso, ela também serve para ajudar a fazer escolhas melhores e mais saudáveis na alimentação.

Reeducação Alimentar como começar

Se você quer começar uma reeducação alimentar independente do motivo, então a primeira coisa que você deve fazer é procurar um nutricionista ou um endocrinologista. Eles são profissionais que podem te acompanhar nesse processo e te ajudar a ter um melhor resultado, além de conseguir fazer as escolhas corretas sem causar prejuízos a sua saúde.

Depois disso, é necessário que você comece a ver a reeducação alimentar como um projeto a longo prazo no qual você irá investir por toda a sua vida. E quando você se der conta disso, ficará mais fácil fazer as boas escolhas na hora de se alimentar.

Como fazer Reeducação alimentar sozinha

Algumas pessoas não contam com a ajuda de um profissional durante o processo de reeducação alimentar. Seja por falta de tempo ou até mesmo financeiramente. Mas isso não é um grande impedimento, pois é possível fazer uma mudança na alimentação sozinha. Desde que você tenha consciência disso e de que essa mudança trará bons resultados para a sua vida e seu corpo. Ajudando a emagrecer mais rapidamente e com muito mais saúde.

Como fazer Reeducação alimentar sozinha

Existem algumas dicas que são chave para quem vai fazer reeducação alimentar sozinha, veja abaixo:

  • Não conte calorias

A grande diferença da reeducação alimentar para as dietas restritivas é que a você não precisa ficar preso as calorias, pois o que importa é qualidade dos alimentos que você está consumindo e não o valor calórico. Então pense nas vitaminas e nutrientes que eles irão lhe proporcionar, mais do que você pensa nas calorias ingeridas.

  • Varie o cardápio

Se você comer todos os dias a mesma comida com certeza irá ficar enjoado mais rapidamente e as chances de cair em tentação serão grandes. Por isso, procure diversificar na alimentação e monte um cardápio variado e repleto de opções. Pois assim você não terá porque buscar por opções fora dos alimentos saudáveis que compõem a sua reeducação alimentar.

  • Beba líquidos

Tome muito líquido, seja água, chás ou sucos naturais sem açúcar. Se manter hidratado é muito importante. Mas dê preferência pela água, pois muitas vezes acreditamos que estamos com fome, quando na verdade o que temos é sede. Então sempre tome um copo de água antes das principais refeições.

  • Se permita

Você não tem que cortar para sempre da sua alimentação comidas que você gosta, mas que podem contribuir para o aumento de peso, por exemplo. Se permita comer pizza, hambúrguer, doces e outras coisas que você gosta, desde que você saiba os limites e que na quantidade certa, uma vez que nada em excesso faz mal.

A reeducação alimentar é algo possível e que qualquer pessoa pode fazer, basta ter disciplina e foco.

Se você ficou com alguma dúvida em relação a esse artigo, nos deixe um comentário!

ANÚNCIO