Ácido Pantotênico: Para Que Serve, Principais Fontes E Deficiência.

Você conhece a importância do ácido pantotênico (vitamina B5) na manutenção de sua saúde e bem-estar?

Essa vitamina hidrossolúvel faz parte do complexo B e desempenha diversas funções no corpo.

Como seu excesso é eliminado na urina, seus níveis precisam ser repostos diariamente através da alimentação.

Nesse artigo completo apresentaremos as melhores fontes desse nutriente, como ele age no organismo, seus benefícios e possíveis sintomas de carência. Confira.

Ácido pantotênico: para que serve

O ácido pantotênico desempenha múltiplas funções no organismo humano.

PROPAGANDA

É fundamental para que os carboidratos e gorduras sejam transformados em energia e sirvam para a reparação das células, tecidos e órgãos.

Ácido pantotênico para que serve

Participa da síntese de colesterol, da formação de hormônios que ajudam o corpo a lidar com situações de estresse e da produção de hemácias (células vermelhas do sangue).

Contribui ainda para o bom funcionamento do sistema digestivo e para que outras vitaminas sejam adequadamente assimiladas, em especial a riboflavina.

Vitamina B5 e Coenzima A

O corpo precisa de vitamina B5 para produzir coenzima A.

A coenzima A é importante para converter os nutrientes dos alimentos em ácidos graxos e colesterol.

Também é necessária para a produção de esfingosina, molécula que auxilia nas transmissões químicas intracelulares.

E o fígado precisa de coenzima A para metabolizar certas substâncias tóxicas.

Ingestão diária recomendada

De acordo com a Anvisa, adultos devem consumir 5 mg de ácido pantotênico ao dia. Para lactentes e crianças, as doses recomendadas são: 1,7 mg (de 0 a 6 meses); 1,8 mg (7 a 11 meses); 2 mg (de 1 a 3 anos); 3 mg (4 a 6 anos) e 4 mg (de 7 a 10 anos).

Grávidas e mulheres que estejam amamentando devem ingerir 6 e 7 mg por dia, respectivamente.

Alimentos ricos em ácido pantotênico

O ácido pantotênico está presente em diversos alimentos. Segue uma lista com algumas das principais fontes animais e vegetais desse nutriente:

  • Órgãos, como fígado, rim e coração.
  • Carne bovina.
  • Frango.
  • Peixes.
  • Leite.
  • Queijos.
  • Leguminosas.
  • Cereais integrais.
  • Amendoim.
  • Amêndoas.
  • Lagosta.
  • Farelo de trigo.
  • Gema de ovo.
  • Brócolis.
  • Batata.
  • Batata doce.
  • Abacate.
  • Cogumelos.
  • Geleia real.

Alimentos ricos em ácido pantotênico

Parte da vitamina se perde quando os alimentos são cozidos. Por isso, deve-se ingerir as fontes de B5 cruas, quando possível, assim como aproveitar a água do cozimento.

Carência de vitamina B5

A falta de ácido pantotênico no organismo produz sintomas que incluem:

  • Fadiga.
  • Apatia.
  • Infecções respiratórias frequentes.
  • Depressão.
  • Hipoglicemia (porque aumenta a sensibilidade à insulina).
  • Câimbras.
  • Náuseas e vômitos.
  • Dores estomacais.
  • Distúrbios do sono.
  • Irritabilidade exacerbada.
  • Irritações de pele.
  • Aparecimento precoce de cabelos brancos.

Tais problemas são revertidos quando os níveis de B5 são restabelecidos, através do uso de suplementos e do consumo de suas fontes.

Fatores de risco

Alcoólatras, fumantes, mulheres que usam anticoncepcionais orais, pessoas submetidas a alto grau de estresse ou que consomem carboidratos refinados em excesso têm mais risco de desenvolver deficiência de vitamina B5.

Suplementação de ácido pantotênico

Suplementação de ácido pantotênico

Os suplementos à base de vitamina B5 são usados para tratar alguns problemas de saúde, como:

Acne. Como o ácido pantotênico atua na metabolização de gorduras, acredita-se que seu uso como suplemento possa reduzir a oleosidade excessiva na pele e consequentemente, ajudar a combater a acne.

Colesterol e triglicerídeos elevados. A pantetina é um derivado do ácido pantotênico que pode ajudar a reduzir o colesterol total e aumentar o HDL (“bom colesterol). Essa substância também já demonstrou ser capaz de baixar os níveis de triglicerídeos.

Artrite reumatoide. Algumas pesquisas sugerem que a artrite reumatoide possa ter entre suas causas uma deficiência parcial de vitamina B5. Um estudo revelou que a suplementação desse nutriente reduziu a rigidez matinal nas articulações e a dor causadas pela doença.

Efeitos colaterais e interações medicamentosas

A suplementação de vitamina B5 só deve ser feita sob orientação médica.

Porque, embora seu excesso seja excretado na urina, doses muito além das recomendadas podem causar diarreia e aumentar o risco de hemorragias.

Além disso, o excesso de B5 pode prejudicar a absorção de outras vitaminas do complexo B.

Os suplementos de vitamina B5 podem interferir na absorção e eficácia de certos medicamentos, como antibióticos à base de tetraciclina, além de intensificar a ação de anticoagulantes, como a varfarina.

Benefícios da pró vitamina B5 para a pele e cabelos

Você já viu o nome “pró vitamina B5” no rótulo de algum produto para a pele ou cabelo?

Esse é o nome popular do pantenol, ingrediente muito comum em cosméticos, que se transforma em ácido pantotênico após ser absorvido pela pele ou couro cabeludo.

Na pele, o pantenol promove hidratação intensa, já que retém água, e estimula a renovação das células, acelerando os processos de cicatrização.

Quando absorvida pelo couro cabeludo, a substância estimula o crescimento e deixa os fios mais resistentes.

O pantenol também é eficaz para umectar os fios, deixando o cabelo mais macio e com menos volume.

É fundamental consumir diariamente fontes de ácido pantotênico, pois como vimos, trata-se de um nutriente importante para várias funções orgânicas.

Sua suplementação está indicada em casos de carência e para combater algumas doenças, porém só deve ser feita sob orientação médica, pois pode resultar em efeito colaterais, além de interagir com certos medicamentos.

Leia Também:

portal educação Tiamina: Para Que Serve, Fontes E Quando É Preciso Suplementar.

portal educação Riboflavina: Para Que Serve, Fontes E Sintomas de Carência.

portal educação Niacina: Para Que Serve, Fontes, Benefícios e Carência.

portal educação Piridoxina: Funções, Alimentos, Carência e Suplementação.

portal educação Biotina: Para Que Serve, Benefícios Para O Cabelo, Emagrece?

portal educação O Que é o Ácido Fólico, Engorda? Onde Encontrar?

portal educaçãoCobalamina: Funções, Deficiência e Quem Precisa Suplementar.

Agora é só aproveitar essas informações para ter mais saúde e bem-estar, desfrutando dos incríveis benefícios da vitamina B5!

PROPAGANDA